Receba nosso informativo:

ARTIGOS

UM TANTO DE SABER SOBRE O YOGA

Instrutor: Rogério Meggiolaro Gouveia Soares

Definir o Yoga ou versar sobre esta milenar arte é trabalho árduo, todavia deveras prazeroso. Sua longevidade e permanente presença no tempo falam por si só sobre a riqueza e significância destes saberes que nasceram no Oriente antigo, mais precisamente onde hoje se situa a Índia e seus países visinhos.

Hoje, quando pensamos sobre o Yoga no Ocidente, nossas mentes imediatamente se remetem a uma atividade física cheia de complexas posturas, à meditação, às práticas de despertar poderes latentes da mente e até mesmo aos atos corajosos dos faquires. Tudo isso certamente faz parte do emaranhado universo do Yoga, mas nenhuma destas pequenas frações pode definir o Todo que as contém.

A palavra Yoga, em Sânscrito, significa ‘União’ ou ainda ‘Unificação’. Este significado pode ser compreendido através de muitas lentes, todavia me limitarei a citar um Sutra, um ‘verso’, do Mestre Yogue Shrii Shrii Anandamurti que define o Yoga de forma sintética e profunda:

‘Samyogo yogo ityukto jiivátmá paramátmánah’
Quando a consciência unitária e a Consciência Suprema se fundem em uma, isto é verdadeiramente Yoga.

Assim sendo, Yoga se trata de um sistema de práticas que visa promover a união entre o indivíduo e seu Criador. Acima de qualquer esfera, o Yoga é uma prática espiritual, mística e de natureza transcendental. Há quem considere o Yoga como um caminho para a iluminação da consciência; há, entretanto, quem entenda o Yoga como a própria iluminação.

Seja qual for o nível de aprofundamento de cada um neste vasto sistema de práticas, estas ‘unificações’ hão de acompanhar qualquer praticante: seja a simples união da respiração com os movimentos, seja a união entre o que se pensa, o que se fala e a forma como se age, como uma profunda sensação de unidade com toda a Natureza manifesta, ou seja ainda como a união mística entre o pequeno eu com o Grande Eu Sou, esteja certo de que muitas das idiossincrasias que hoje permeiam a complexa mente humana serão integradas e encontrarão uma profunda sensação de paz e equilíbrio.

Alguns Yogas

Cada escola de Yoga enfatiza um sistema de práticas para atingir determinado fim. Conheça alguns deles:

Hatha Yoga – visa o bem estar do corpo e da mente por meio de práticas físicas como ‘asanas’ (posturas), alimentação, limpezas e purificações.

Raja Yoga – o Yoga Real, sistema de práticas mentais como concentração, atenção, percepção e acima de todas, a meditação.

Jnana Yoga – o Yoga do conhecimento através da discriminação entre o que é eterno e permanente e o que é transitório e passageiro. Trata-se de um sistema altamente filosófico.

Karma Yoga – o Yoga da ação. Por meio de suas práticas, o aspirante se devota a agir sem esperar colher o resultado de suas ações, como se fosse simplesmente um ‘braço do Supremo’.

Bhakti Yoga – o Yoga do amor, conhecido por ser o caminho mais rápido para a iluminação, pois busca envolver-se com tudo o que existe no universo com a ideação de que cada ser ou objeto é uma manifestação do próprio Ser Supremo.

Mantra Yoga – o yoga dos sons, se tratando de uma pesquisa profunda e poderosa sobre as vibrações sonoras por detrás de tudo que existe.

Yantra Yoga – o Yoga das formas, estuda a influência das mais diversas geometrias sobre a mente humana. Dentro deste conhecimento estão as Mandalas e os símbolos sagrados de muitas tradições espirituais do planeta.

Tantra Yoga – talvez o mais antigo dos Yogas, nascido de um xamanismo remoto, tem como objetivo a expansão da mente e a liberação de todas as amarras, credos, dogmas e limitações que encobrem a natureza da verdadeira essência de tudo o que há. É o caminho dos guerreiros, a luta da vida contra a morte, da verdade sobre a ignorância.

Kundalinii Yoga – sistema de elevar a energia primordial que reside na última vértebra da coluna, através dos centros psíquicos – chakras – até que alcance o mais elevado, situado no topo da cabeça. Quando isso se dá, acontece o Samadhi, ou Iluminação, um estado além da compreensão da mente.


Texto por: Satyavan - Rogério Meggiolaro (Copyleft - pode ser copiado desde que a fonte seja citada.) email. rogeriomgs@gmail.com

Instrutor: Satyavan Rogério